Melhoramento de campo nativo é apresentado em Tavares/RS

Agronegócio

Melhoramento de campo nativo é apresentado em Tavares/RS

A primeira medida foi de limpeza da área através do desbaste das árvores para aproveitar melhor a entrada de luz
Por:
2345 acessos

Os produtores Elizaldo Brum e Hipólito da Costa Lima, vão receber em suas propriedades pessoas interessadas em conhecer os procedimentos para melhorar o campo nativo. O evento será promovido pela Emater/RS-Ascar e os agricultores nesta quarta-feira (27-10), a partir das 14h, na Comunidade de Capão Cumprido, em Tavares.

Desde 2008 os proprietários destinaram uma área para a experimentação do campo nativo. Neste ano, o objetivo é avaliar o resultado da implantação de serradela e cornichão em áreas com árvores da espécie pinus sp espontâneo.

A Tarde de Campo em Melhoramento de Campo Nativo inicia com recepção aos participantes, que vão, em grupos, conhecer como foi recuperada uma área invadida por pinus, e o que se deve fazer para implantar as leguminosas no campo, as melhores espécies utilizadas para a recuperação da área e os resultados conseguidos desde 2008.

O produtor Elizandro Brum - filho Elizaldo e que também recebeu o melhoramento de campo nativo, pois reside nas terras com o pai - explica que cedeu sua área para a Emater/RS-Ascar fazer os experimentos porque o campo estava sendo invadido pelos pinus e eles não sabiam o que fazer.

Segundo o agrônomo da Emater/RS-Ascar, Guilherme Martins Costa, a primeira medida foi de limpeza da área através do desbaste das árvores para aproveitar melhor a entrada de luz. Com isto, 300 novas plantas cresceram espontaneamente em cada hectare. Na sequência foi feita a correção do solo com calcário dolomítico e fosfato natural e as pastagens foram semeadas. “Podemos perceber que, além da melhoria do solo, os animais que se alimentam do pasto ganharam peso e sua pelagem ficou mais reluzente”, ressalta Costa.

As informações são da assessoria de imprensa da Emater/RS-Ascar – Regional Porto Alegre.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink