Menores estoques de arroz e possível redução de área sustentam cotações no spot

REDUÇÃO DE ÁREA

Menores estoques de arroz e possível redução de área sustentam cotações no spot

Produtores sul-rio-grandenses de arroz consultados pelo Cepea iniciaram a safra 2019/20 atentos ao declínio da área de semeio
Por:
769 acessos

Os menores estoques no mercado interno e a expectativa de redução da área cultivada na temporada 2019/20 seguem sustentando as cotações do arroz no mercado interno, de acordo com pesquisas do Cepea. De 22 a 29 de outubro, o Indicador ESALQ/SENAR-RS, 58% grãos inteiros com pagamento à vista, subiu 0,6%, fechando a R$ 46,21/sc de 50 kg na terça, 29.

Segundo a Conab, os estoques finais de arroz da temporada 2018/19, em fev/20, devem ser de 521,2 mil toneladas e, da temporada 2019/20, em fev/21, de 565,8 mil toneladas.

Assim, produtores sul-rio-grandenses de arroz consultados pelo Cepea iniciaram a safra 2019/20 atentos ao declínio da área de semeio, devido à preferência por outras culturas, mas com a expectativa de preços mais elevados nos próximos meses, diante dos baixos estoques. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink