Mercado de Commodities – Aquecimento da demanda
CI
Agronegócio

Mercado de Commodities – Aquecimento da demanda

por Gilda M. Bozza, economista DTE/FAEP
Por:
por Gilda M. Bozza, economista DTE/FAEP

Nesta quinta-feira (11), na Bolsa de Chicago, o preço da soja fechou em valorização, alavancado pelo aquecimento da demanda. Os futuros maio/13 foram negociados a US$ 30,90 por saca, acumulando ganho na semana, de US$ 0,52 por saca. Já os vencimentos mais distantes operaram no vermelho. Os analistas chamam a atenção para o “mercado do clima” que poderá repetir o ano de 2012.

No mercado do milho, ligeira alta, com maio/13 negociado a US$ 15,38 por saca. Para o trigo, o parâmetro foi de US$ 15,37 por saca para os contratos com vencimento em maio/13.

No mercado doméstico, o preço médio da soja, apurado pela SEAB foi de R$ 50,45 por saca, com variação semanal negativa de R$ 0,35 por saca.  Em Ponta Grossa, no mercado de lotes, média de R$ 55,00 por saca e no Porto de Paranaguá alcançou R$ 58,50 por saca.

Para o milho preços, continuidade na queda dos preços, face ao avanço da colheita.  Preço médio de R$ 19,63 por saca. Variação negativa de R$ 0,11 por saca.  Para o trigo os preços da SEAB apontam queda, passando de R$ 39,00 para R$ 38,94 por saca.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.