Mercado de Commodities
CI
Agronegócio

Mercado de Commodities

Os preços da soja para setembro/12 foram negociados a US$ 36,59 por saca
Por:
Gilda M. Bozza - Economista DTE/FAEP
Nessa quarta-feira (15), as commodities agrícolas operaram em alta, tendo como pano de fundo, o quadro ajustado de oferta e demanda mundial que se sobrepõe ao mercado do clima com indicações de chuvas para o Meio-Oeste norte-americano.

A possibilidade de um racionamento nos Estados Unidos paira no ar e deixa o mercado agitado com as possíveis repercussões do fato.

Com isso, os preços da soja para setembro/12 foram negociados a US$ 36,59 por saca, equivalente ao dólar vigente, a R$ 74,02 por saca. Para março/13 o referencial foi de US$ 33,97 por saca, correspondente a R$ 68,72 por saca.

No mercado do milho, onde a situação é grave, o preço do grão para setembro fechou a US$ 18,75 por saca, correspondente a R$ 37,94 por saca. Para março/13 a indicação foi de US$ 18,85 por saca, equivalente a R$ 38,14 por saca.

O mercado do trigo manteve igual desempenho, com os futuros para setembro/12 indicados a US$ 18,65 por saca, equivalente a R$ 37,74. Para março/13 o referencial foi de US$ 19,31 por saca, correspondente a R$ 39,08 por saca.

No mercado paranaense, o preço médio estadual da soja esboçou reação, com média de R$ 73,39 por saca com mercado lento e preço nominal. Na praça de Ponta Grossa, indicação de R$ 80,00 por saca. No Porto de Paranaguá, no disponível, referencial de R$ 83,00 por saca.

Para o milho, preço em ligeiro recuo, com média estadual de R$ 26,86 por saca. O trigo mantém a média diária de R$ 30,43 por saca.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink