Mercado de commodities
CI
Agronegócio

Mercado de commodities

Clima desfavorável atrasou o plantio norte-americano
Por:
por Gilda M. Bozza, Economista - DTE/FAEP

 Nesta segunda-feira (6), na Bolsa de Chicago a semana iniciou operando no vermelho. O pano de fundo foi a previsão de clima favorável, permitindo a evolução do plantio. O clima desfavorável atrasou o plantio norte-americano. O relatório de acompanhamento de safra divulgado na tarde desta segunda-feira atraiu a atenção do mercado. 
 
Os preços da soja no mercado internacional recuaram, com maio a US$ 31,84 por saca, uma queda de US$ 0,23 por saca. Já para agosto, o preço foi de US$ 29,03 por saca. O plantio aponta 2% da área prevista já plantados. Preço de exportação no Porto de Paranaguá, negativo em US$ 25,72 por tonelada.

No caso do milho, o mercado aguardava um índice de plantio ao redor de 19% e o relatório indicou 12% da área prevista. Os preços futuros apontaram US$ 16,03 por saca, equivalente a R$ 32,26 por saca para maio/13 e encerraram o dia em baixa de US$ 0,49 por saca. Para julho a referência é de US$ 15,03 por saca, correspondente a R$ 30,25 por saca.

Para ao trigo, o plantio alcança 23% da área estimada. Os futuros para julho/13 apontavam US$ 15,29 por saca e para julho/13 preços de US$ 15,47 por saca.

No mercado doméstico para a soja, preços tangenciam R$ 51,76 por saca, mercado sem realização de negócios. No mercado do milho, preço médio de R$ 19,46 por saca, em ligeira reação. No trigo, mercado calmo e preços no entorno de R$ 39,08 por saca.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.