Bovinos

Mercado de reposição parado no Maranhão

Desde o início de 2018 a cotação da arroba do boi gordo caiu 9,5% no estado
Por:
12 acessos

Puxado pela desvalorização do boi gordo, o mercado de reposição está parado no Maranhão.

Desde o início de 2018 a cotação da arroba do boi gordo caiu 9,5% no estado.

Frente a esse cenário, a relação de troca piorou para o recriador/invernista. E, somada a isso, a boa capacidade de suporte das pastagens permite que o criador mantenha seus bovinos de reposição no pasto com baixo custo.

Não havendo necessidade de venda imediata, as cotações destas categorias não declinam, pelo contrário, nas últimas semanas o preço teve discreta valorização (0,3%).

Com isso o poder de compra do pecuarista, levando em consideração a média de todas as categorias, está 6,4% menor na comparação mensal.

A pior troca ficou por conta do boi magro de 12@. No início do ano, com a venda de um boi gordo de 16,5@, comprava-se 1,4 boi magro, atualmente, nas mesmas condições, compra-se 1,3. Piora de 7,0% no poder de compra.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink