Mercado do boi gordo e atacado em janeiro
CI
Agronegócio

Mercado do boi gordo e atacado em janeiro

O boi casado recuou 5,2% no último mês
Por:
Passado o primeiro mês de 2011, analisou-se o que ocorreu no mercado do boi gordo e atacado.

Na maior parte das regiões, janeiro foi um mês de pressão sobre as cotações. A pressão foi gerada principalmente pelo lado da demanda.

O boi casado recuou 5,2% no último mês. Em 2011, no mesmo período, a queda foi de 0,3%.

O traseiro 1x1 teve desvalorização de 5,7% este ano, ante 2,4% em janeiro de 2011. A ponta de agulha consumo caiu 4,3% nos dois períodos.

A principal diferença ocorreu no comportamento dos preços do dianteiro. No último mês, o dianteiro 1x1 recuou 4,3%. Em 2011 a peça havia subido 6,7% no mesmo período.

Voltando ao boi gordo. Em São Paulo o recuo em janeiro foi de 0,5%, ante 2,0% em janeiro de 2011.

Na média das 31 praças pesquisadas pela Scot Consultoria, a queda foi de 1,4% no último mês e de 1,1% em 2011.

O Rio Grande do Sul foi exceção, com a seca impedindo a engorda dos animais e valorizando o boi gordo. A alta em janeiro foi de 4,9% na média das duas praças (Oeste e Pelotas).

Em 2011 o cenário não foi diferente e os preços subiram 9,0%, na média do estado.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.