Mercado do milho fechou em queda na B3
CI
Imagem: Nadia Borges
COTAÇÕES

Mercado do milho fechou em queda na B3

O Brasil plantou uma área menor e ainda há cinco meses até chegar a Safrinha brasileira
Por: -Leonardo Gottems

O mercado de milho na B3 de São Paulo, fechou em queda, nesta quarta-feira, seguindo a forte queda de Chicago, porque alivia a demanda de exportação e o abastecimento interno no Brasil, segundo informações da TF Agroeconômica. “Com isto, a cotação de março recuou R$ 1,78 no dia para R$ 85,08; a de maio recuou R$ 1,11 no dia para R$ 83,85 e a de julho recuou R$ 0,99 no dia para R$ 77,70”, comenta. 

“Apesar deste recuo, voltamos a  repetir que a estrutura básica dos fundamentos não mudou: o milho apresenta lucros médios de 78,72% em relação ao seu custo de produção. Mas, assim mesmo, como vimos afirmando há mais de  um  mês,  inclusive  com  entrevista  gravada  no  Canal  Rural  para  verificar  depois,  os  fundamentos  continuam altistas  a  médio  e  longo  prazos    no  Brasil,  com  as cotações  já  superando  a  alta  anterior  de  novembro, diante da falta de disponibilidade no Brasil (por excesso de  vendas  no  ano)  e  forte  demanda  nos  mercados internos e externos”, completa. 

Além disso, o Brasil plantou uma área menor e ainda há cinco meses até chegar a Safrinha brasileira. “Por  último,  ainda  temos  uma  demanda  forte  (as exportações  de  frango  cresceram  40%  e  as  de  carne suína 36,7%, além das do próprio milho, que continuam elevadas)  o  que  leva  a  crer  que  os  preços permanecerão firmes. Todos os produtos concorrentes do milho  (farelo  de  soja, farelo de  milho  e  o  próprio trigo)  continuam  com  preços  muito  elevados  e também com viés de alta para o primeiro semestre de 2021”, indica. 

“O único movimento contrário é o próprio nível do preço, que começa a fincar insustentável para os consumidores finais, principalmente de ovos e leite, que não podem repassar os ganhos cambiais das carnes.”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink