VENDAS BAIXAS

Mercado global de agroquímicos cai 2,5%

Fusões ainda não entraram no cálculo
Por: -Leonardo Gottems
833 acessos

O mercado global de agroquímicos caiu 2,5% em 2016 para US$ 49,9 bilhões, de acordo com estatísticas da consultoria privada escocesa Phillips McDougall. Em 2013, as vendas no mercado global de pesticidas havia chegado a US$ 50 bilhões pela primeira vez e continuou a crescer em 2014. No entanto, o mercado sofreu uma queda de 9,6% em 2015. No ano seguinte, as vendas globais continuaram a descender em 2,5%, abaixo de US$ 50 bilhões, para os níveis de 2012.

No ano passado, as vendas caíram para as seis maiores empresas do mercado. A queda mais abrupta foi da norte-americana Monsanto com um declínio anual de 4% a 6%. A Syngenta, líder do mercado, viu suas vendas ficarem abaixo dos US$ 10 bilhões. Por outro lado, produtos populares e novas ofertas das seis maiores empresas tiveram crescimento de vendas.

O ranqueamento das empresas, exceto da Adama que manteve o décimo segundo lugar. A japonesa Sumitomo Chemical teve um crescimento de 25,3% e subiu da décima primeira posição para a oitava. A razão pelo crescimento se deu pelos maiores investimentos em pesquisa, licenças e propaganda.

A UPL também apresentou notável crescimento no período. Em dólares, as vendas da empresa indiana subiram 12,8%. Já a FMC e a Platform Ag registraram baixo crescimento em 2016. A Nufarm registrou crescimento no cálculo em dólares australianos, mas em dólares americanos a receita caiu 8,6%.

O resultado com as fusões das maiores empresas ainda não foi contabilizado no ranking porque as maiores fusões de empresas só foram concluídas depois. Na análise da consultoria Phillips McDougall, o mercado global de pesticidas está a caminho de uma lenta recuperação.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink