Agronegócio

MG e ES se destacam na produção de café

O Espírito Santo terminou o ano com um resultado 3,5% superior ao de 2004
Por: -Assessoria de Imprensa
5 acessos

Em 2005, a safra nacional de café totalizou 2.140.169 t (35,7 milhões de sacas de 60 kg). Em 2004, o país, maior produtor mundial, havia colhido 2.465.710 t (41,1 milhões de sacas). Em razão do ciclo de baixa da bianualidade da cultura, o decréscimo da produção nacional foi de 13,2% entre os dois anos.

Minas Gerais, maior produtor nacional, teve em 2005 um decréscimo de 18,4% em relação a 2004, com uma safra de 1.002.672 t (16,7 milhões de sacas) e uma participação de 46,9% no total nacional. Destacam-se em Minas os municípios de Patrocínio, Três Pontas e Manhuaçú, Rio Paranaíba, Nepomuceno e Campos Gerais.

O Espírito Santo, segundo maior produtor, terminou o ano com um total de 532.435 t (8,9 milhões de sacas), resultado 3,5% superior ao de 2004, ao contrário dos outros estados do Sudeste, que apresentaram decréscimos. O Espírito Santo detém 24,9% da produção nacional e seu principal município produtor é Jaguaré. Todos os dez maiores municípios produtores de café estão na região Sudeste.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink