Milho: compradores sem vontade do Sul
CI
Imagem: Pixabay
MERCADO

Milho: compradores sem vontade do Sul

Mercado fraco no Paraná nesta terça-feira, que tem Safrinha 30% colhida e 79% em maturação
Por: -Leonardo Gottems

Tudo continua igual no mercado gaúcho de milho: ainda recebendo contratos os compradores do RS não oferecem mais do que R$ 89,0+ e R$ 90,0+CIF, segundo o que informa a TF Agroeconômicas. “Mas, o foco ainda segue, pelo menos até final do mês em receber o que já está comprado em contratos futuros. As ofertas no mercado local, diferido, estão em R$ 92,00 a R$ 93,00 FOB interior. Os preços de balcão, em Panambi, mantiveram-se em R$ 80,00 ao produtor”, comenta.

Santa Catarina tem compradores recebendo contratos, enquanto a safra foi reduzida em 900 mil toneladas, segundo Epagri. “Nesta terça-feira saíram alguns negócios a R$ 92,00 CIF Videira e a R$ 88,00 FOB Rio do Sul, mas mercado continua bem travado. São negócios pontuais. Os vendedores continuam resistindo em fazer negócios com preços mais baixos”, completa.

“Os números da safra 2021/2022 estão consolidados. A estiagem afetou significativamente a produção da safra de verão 2021/22 na maioria das regiões do estado (SC). A redução da produção estadual foi de 30,1% em relação em relação ao prognóstico inicial, o que representa cerca de 900 mil toneladas, segundo dados da Epagri, divulgados hoje. As informações são referentes à primeira e à segunda safra em Santa Catarina. Algumas regiões - São Miguel do Oeste, Chapecó e Joaçaba - apresentaram redução da produção - cerca de 40% em relação à estimativa inicial”, indica.

Mercado fraco no Paraná nesta terça-feira, que tem Safrinha 30% colhida e 79% em maturação. “Não vimos mais que 2k de ofertas nesta terça-feira. Então, acreditamos que tenha rodado muito pouco no estado hoje. O relatório do Deral-PR desta terça-feira registrou que 30% do milho safrinha do estado já está colhido. Das lavouras que ainda continuam de pé, 72% estão em boas condições, 21% em condições médias e 7% ruins. Sobre os estágios fenológicos das lavouras, 21% estão em frutificação e 79% em fase de maturação”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.