Milho em alta, mas com entraves

MERCADO

Milho em alta, mas com entraves

Dificuldade em adquirir milho tributado persiste (alta do frete) e restringe os negócios ao diferido
Por: -Leonardo Gottems
333 acessos

A pesquisa diária do Cepea registrou nova alta de 0,54% nos preços do milho no principal mercado  referencial de milho no Brasil, Campinas (SP), nesta quarta-feira (07.02), para R$ 38,78/saca, elevando o ganho do cereal em fevereiro para 0,91% até o momento. Mercado físico de milho com poucas novidades, segundo a XP Agro, que acompanha de perto o mercado de Campinas. 

“A dificuldade em adquirir milho tributado persiste (alta do frete) e restringe os negócios ao diferido. Enquanto Intermediários e Silos tentam se aproveitar da situação, Indústrias e Granjas não cedem as pressões e compram da mão para boca. A expectativa dos compradores é que a colheita local avance rapidamente em fevereiro e garanta uma oferta robusta”, explica o analista da T&F Consultoria Agroeconômica, Luiz Fernando Pacheco.

Ele destaca que as chuvas trouxeram certo “alívio” em algumas regiões produtoras. A amostra da XP Investimentos tem média de R$ 39,46/sc, correção de R$ 0,08/sc no dia. Nos portos, a inversão dos embarques de milho pelos de soja já é evidente. Em jan/19 foram enviados, respectivamente, 4,22 MT de milho e 2,15 MT de soja. 

Para fev/19, os lineup’s indicam 1,03 MT de milho e 6,98 MT de soja. As indicações para fev/19 e mar/19 estão em R$ 39,00/sc e R$ 40,00, respectivamente. Chamamos atenção para o descasamento entre o contrato de set/19 na B3 e nos portos. Enquanto o primeiro é comercializado em torno de R$ 35,00/sc, os prêmios de porto atuais e a elevada taxa de câmbio sustentam a paridade em R$
38,00/sc.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink