Milho paraguaio está estável, mas preços podem cair
CI
Imagem: Pixabay
MERCADO INTERNACIONAL

Milho paraguaio está estável, mas preços podem cair

Em relação ao milho argentino, influenciados pela queda em Chicago, os preços FOB recuam forte nesta quarta-feira
Por: -Leonardo Gottems

Os preços do milho paraguaio stão estáveis, mas quedas em Chicago e chuvas podem inverter tendência, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Os preços do milho paraguaio fecharam hoje estáveis, mas, se as quedas continuarem em Chicago e se as chuvas previstas para o final da semana de 18 a 20 de março no milho se confirmarem sobre a safra de milho de inverno no Paraguai, Paraná e Mato Grosso do Sul, os preços do milho paraguaio sofrerão também quedas inevitáveis nos próximos dias e/ou semanas”, comenta.

Em relação ao milho argentino, influenciados pela queda em Chicago, os preços FOB recuam forte nesta quarta-feira. “As cotações do milho argentino para exportação recuaram muito com a forte queda das cotações de Chicago, no mercado físico do UpRiver, nesta quarta- feira", completa a consultoria.

“Para safra nova, Abril recuaram US$ 13/t para US$ 335, que corresponderia a aproximadamente US$ 386 CIF portos brasileiros do sul ou R$ 117,85 nos portos, mais frete até o interior; Maio também recuaram US$ 13/t para US$ 335/t; Junho recuou mais US$ 5/t para US$ 314 e Julho também recuou US$ 5/t para US$ 314/t. Embarques Panamax recuaram US$ 12/t para US$ 351 para abril e maio, US 10/t para US$ 329 para junho e US$ 9/t para US$ 310 para julho, segundo relatórios que recebemos de corretores de Buenos Aires”, indica.

“A quarta-feira apresentou preços mistos para o boi, bezerro e suínos, e frango. O boi gordo teve alta de 0,64% para R$ 343,30/@, sendo que o acumulado positivo do mês está em 0,07%. O bezerro fechou em baixa de 1,27% para R$ 2.785,90, na variação do mês de -3,43%. O frango fechou em alta de 1,41% a R$ 7,21/kg, deixando o acumulado positivo do mês para 13,54%. E o suíno fechou em baixa de 0,19% a R$ 5,32, deixando o acumulado negativo do mês para 1,48%”, conclui.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.