Monitoramento Agrícola mostra ação do clima nas regiões produtoras
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,634 (0,00%)
| Dólar (compra) R$ 5,64 (2,01%)


MONITORAMENTO

Monitoramento Agrícola mostra ação do clima nas regiões produtoras

Para o cultivo de verão, mesmo abaixo da média em algumas áreas, a ocorrência climática favoreceu o plantio
Por:
888 acessos

A safra brasileira de grãos recebeu, na primeira quinzena deste mês, contribuição favorável das chuvas em quase todas as regiões produtoras. A exceção ocorreu no Semiárido e em parte da região denominada Matopiba, formada por Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia. A análise é do Boletim de Monitoramento Agrícola, divulgado neste mês pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Para o cultivo de verão, mesmo abaixo da média em algumas áreas, a ocorrência climática favoreceu o plantio, embora tardio, e o desenvolvimento das plantas. Atualmente, o Índice de Vegetação está em ascensão em quase todas as regiões monitoradas.

Por outro lado, a colheita do trigo e o plantio de arroz do Rio Grande do Sul sofreram com o excesso de chuvas do início do mês, mas houve recuperação com a diminuição das precipitações neste período. O resultado dessas análises poderão se confirmar no fechamento do estudo que será divulgado pela Conab no próximo levantamento, dia 10 de dezembro.

O monitoramento é uma ferramenta de valia para as estimativas da safra, a análise de mercado e a gestão de estoque realizadas pela Conab. As avaliações mostram as condições das lavouras sob efeito e presença de fatores vários como agronômicos e climáticos. Os dados espectrais destacam a evolução dos cultivos por meio do Índice de Vegetação, refletindo o comportamento em relação a safras anteriores.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink