Monsanto financia programa mundial de ensino

Agronegócio

Monsanto financia programa mundial de ensino

Empresa investe US$ 10 mi no Programa Beachell-Borlaug International Scholars para desenvolver novas tecnologias para arroz e trigo
Por: -Renata
1030 acessos
Há um ano a Monsanto estabeleceu o compromisso e a missão de dobrar a produtividade das três principais commodities utilizando apenas um terço dos recursos naturais. Para isto a multinacional lançou o Programa Beachell-Borlaug International Scholars, administrado pela Universidade do Texas (EUA), que financia bolsas de estudos para cientistas, melhoristas e estudantes universitários interessados em desenvolver novas tecnologias em arroz e trigo, o valor dos investimentos será de US$ 10 milhões nos próximos cinco anos. O objetivo do programa é aumentar as solicitações de Brasileiros, visto que na edição anterior não houve nenhum participante do país no programa. As culturas arroz e trigo foram escolhidas porque são a base nutricional de 3 bilhões de pessoas, principalmente em países em desenvolvimento.

Ed Runge, diretor do Programa Beachell-Borlaug e um dos mais atuantes agrônomos americanos na última metade do século 20; e Rodrigo Almeida, diretor de Assuntos Corporativos da Monsanto do Brasil estiveram nesta segunda-feira, 27 de julho, na Estação Experimental do Arroz do Instituto de Pesquisa Rio-Grandense (IRGA), em Cachoeirinha (RS) para a apresentação do Programa.

Podem participar do programa alunos que tenham concluído mestrado ou doutorandos com mais de 2 anos para concluir a tese. O professor do aluno que deve efetuar a candidatura por ele, assumindo a supervisão e garantindo que o aluno tem alto desempenho. As inscrições para o programa estarão abertas a partir de 1º de novembro deste ano até 1º de fevereiro de 2010.

Segundo Ed Runge, com esta iniciativa o programa pretende estudar as tecnologias que podem ser desenvolvidas, as deficiências, a correção destas com uso e transgênicos, melhoramento do grão ou da tecnologia normal. “A Monsanto será apenas a patrocinadora do programa, e não terá influência nas decisões e escolhas dos estudantes”, explicou.

Outras informações pelo portal www.producemoreconservemore.com e www.monsanto.com.br

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink