Monsanto perde último recurso em batalha jurídica na França
CI
Imagem: Divulgação
DECISÃO

Monsanto perde último recurso em batalha jurídica na França

Agricultor argumenta que a fumaça que inalou do herbicida Lasso
Por: -Aline Merladete

Nesta quarta-feira (21.10), a Monsanto perdeu seu último recurso na justiça francesa, na qual a produtora de agroquímicos foi considerada responsável pela inalação acidental de um herbicida por um agricultor.

O agricultor argumenta que a fumaça que inalou do herbicida Lasso, um produto posteriormente retirado do mercado francês, causou problemas neurológicos, incluindo perda de memória, desmaios e dores de cabeça.

De acordo com as informações divulgadas pela Reuters, a Bayer informou que está analisando a decisão do tribunal. A empresa acrescentou em comunicado oficial que especialistas médicos indicados pela corte haviam apontado que o incidente não causou a doença citada por François. Produtos de proteção agrícola “não apresentam riscos à saúde humana se utilizados sob as condições de uso definidas no contexto da autorização de comercialização”, afirmou a Bayer.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink