MT: Região de Campo Verde tem boas expectativas para cultivo de algodão
CI
Agronegócio

MT: Região de Campo Verde tem boas expectativas para cultivo de algodão

No entanto, milho plantado na região deve perder produtividade
Por:
A região de Campo Verde (130 km de Cuiabá), importante polo agrícola do Estado, sobretudo na produção de algodão, tem boas perspectivas na colheita da pluma, no entanto, o milho plantado na região deve perder produtividade.

A avaliação é do presidente do Sindicato Rural de Campo Verde, Luís Fernando Guerreiro. Ele explica que o algodão safrinha foi plantado dentro da janela climática ideal e, apesar de situações isoladas de tombamento e replantio pelo excesso de chuvas, no geral os produtores estão com expectativas muito boas.

Já o milho, devido à alta concentração de chuvas que atrapalharam a colheita da soja e a semeadura do cereal, teve mais atrasos e afastou-se mais da janela ideal. 

Somando-se a isso, em algumas propriedades as plantas tiveram atraso no nascimento devido ao solo encharcado. Tudo isso deverá trazer alguma perda de produtividade à cultura, que não se pode estimar ainda.

“Mesmo fora da janela, muitos produtores preferiram plantar o milho, até porque se acredita em um bom mercado este ano, que já está dando sinais de aquecimento”, pontuou Guerreiro.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink