Agronegócio

No mercado internacional, preços dos lácteos não mostram sinais de recuperação

Na comparação com o mês passado, a média diária embarcada está 7,1% menor. Já em comparação ao mesmo período de 2015, ocorreu aumento de 4,4%.
Por:
1858 acessos

No leilão de número 168 da plataforma Global Dairy Trade (GDT), realizado no dia 19 de julho, os produtos lácteos terminaram cotados, em média, em US$2,34 mil por tonelada.

Em relação ao evento anterior, houve ligeira queda de 0,4% nos preços. Já na comparação com o mesmo período do ano passado, o preço médio teve alta de 12,2%.

No caso do leite em pó, a cotação média ficou em US$2,08 mil por tonelada, alta de 0,8% frente ao leilão da primeira quinzena do mês. Em relação a julho do ano passado, o leite em pó está custando 12,5% mais. 

Foram vendidas 31,35 mil toneladas de produtos lácteos neste leilão, volume 1,1% abaixo do mesmo período do ano passado. 

De maneira geral, o mercado ainda não mostra sinais de recuperação nos preços dos lácteos.

Para saber mais sobre o mercado de leite, custos de produção, clima, preços dos lácteos no atacado e varejo e expectativas para a cadeia assine o Relatório de Mercado de Leite da Scot Consultoria. Mais informações em: https://www.scotconsultoria.com.br/loja/relatorios/59/relatorio-do-mercado-de-leite-da-scot-consultoria .

A Scot Consultoria também realiza palestras e treinamentos de mercado na área de pecuária de leite. Saiba mais em: https://www.scotconsultoria.com.br/servicos/11/palestras-cursos-aulas-e-treinamentos.htm .

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink