Novo CAR disponível em setembro
CI
Agronegócio

Novo CAR disponível em setembro

Por:
Produtores rurais de Mato Grosso terão de esperar um pouco mais para fazer o CAR Federal. O Sistema Nacional de Cadastro Ambiental Rural (Sicar) só deverá estar disponível para receber as informações dos imóveis rurais no mês de setembro, segundo a Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema). O órgão ainda trabalha nas modificações necessárias para transferir as informações da base estadual para a nacional. O assunto foi discutido na tarde da última segunda-feira, em reunião da Comissão de Meio Ambiente da Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) e a Sema.


No cronograma da Sema, a previsão é de que o Sicar entre em funcionamento, de forma offline, ainda no mês de julho, mas, para isso, é necessário que seja revogada a atual legislação ambiental estadual. No mês de agosto, deverá ocorrer a migração das informações da plataforma estadual para o sistema federal.

Segundo a superintendente de geoinformação e monitoramento ambiental da Sema, Elaine Cursini, ainda estão sendo feitas as alterações e adequações do Sicar de acordo com as particularidades de Mato Grosso. A secretaria aguarda a revogação do MT Legal. “O Estado de Mato Grosso já conta com CAR estadual desde 2009, mas agora, com a lei federal, é necessário que a Assembleia Legislativa revogue a legislação ambiental estadual, o que está previsto para acontecer ainda no mês de julho. A partir disso, já poderemos disponibilizar o Sicar, de forma offline”, informa Elaine.


O formato offline possibilitará aos produtores cadastrarem as informações sobre a área que desejam obter o CAR, salvando estes dados no sistema. Assim que o Sicar estiver liberado no módulo online, bastará enviar os dados. “Neste período será possível inserir as informações, verificar os dados necessários e fazer retificações. A preocupação do Estado é que o produtor possa fazer o CAR contendo todas as informações solicitadas corretamente”.

ORIENTAÇÃO - A superintendente da Sema informa que no momento o novo sistema federal não está disponível e os produtores precisam aguardar. “Assim que ele estiver disponível já poderá fazer tudo através do Sicar. No caso dos CARs já emitidos e dos pedidos que foram protocolizados, mas que ainda não saíram, destacamos que serão todos migrados para a plataforma federal. Os produtores receberão um comunicado informando o procedimento para acessar o seu processo assim que o sistema entrar em funcionamento”, explica Elaine.


“Estamos em contato constante com a Sema, queremos ser parceiros do órgão neste processo. Os produtores têm urgência, já que precisam do CAR para acessar financiamentos e licenças. Além disso, eles querem fazer a regularização ambiental de suas propriedades”, o presidente da Comissão de Meio Ambiente da Famato, Ricardo Arioli.
 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink