Novo tratamento de sementes ‘on farm’ contra seca
CI
Imagem: Divulgação
TECNOLOGIA

Novo tratamento de sementes ‘on farm’ contra seca

Maior potencial fotossintético com plantas mais eficientes e tolerantes aos estresses abióticos
Por: -Leonardo Gottems

Acaba de ser lançado no Brasil pela Stoller a solução Send para tratamento de semente ‘on farm’. Trata-se de um produto com a tecnologia “Agente S” de produtos fisiológicos o qual, de acordo com a fabricante, “aumenta a eficiência de uso da água, do aporte de Nitrogênio e da fotossíntese, gerando plantas mais tolerantes e produtivas”.

Segundo a Stoller, o Send é resultado de seis anos de pesquisa e testes com “resultados comprovados em mais de 350 campos demonstrativos no Brasil e no Paraguai”. O produto foi aprovado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e chega ao produtor já na próxima safra. 

“Com o Send para o tratamento de semente on farm comprovamos um maior potencial fotossintético com plantas mais eficientes e tolerantes aos estresses abióticos, além de maior eficiência do uso da água, maior aporte de Nitrogênio e sistema radicular mais desenvolvido, resultando em lavouras de soja mais produtivas”, explica Stella Cato, diretora de P&D da Stoller.

No geral, explica a fabricante, o tratamento de sementes on farm com o Send consiste na aplicação da tecnologia que recobrem as sementes, formando uma camada de proteção com a dosagem ideal, de acordo com registro para a cultura. A aplicação é feita pelo próprio produtor, mas pode contrar com a assistência técnica da Stoller.

“O Send, quando aplicado no tratamento da semente, age com resultados nos dois processos mais importantes da planta: na Fixação Biológica do Nitrogênio (FBN) e na fotossíntese, substituindo produtos fisiológicos e a base de Cobalto e molibdênio no tratamento de semente on farm. Seu principal benefício é tornar as plantas mais eficientes e tolerantes aos estresses abióticos resultando em maior produtividade. É recomendada também a utilização do Stimulate via foliar como bioestimulante potencializando ainda mais os resultados ao longo do ciclo da soja”, afirma a Stoller.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.