Obra inacabada amenizou seca no RS

Agronegócio

Obra inacabada amenizou seca no RS

Uma obra ainda inacabada, executada na maior parte com recursos particulares, salvou da seca 200 hectares de arroz
Por:
2 acessos

Uma obra ainda inacabada, executada na maior parte com recursos particulares, salvou da seca 200 hectares de arroz em Cerro Branco. Um grupo de 90 produtores e 30 empresários formou em julho de 2003 a Associação Barragem Aldo Menezes e, em parceria com a Prefeitura, constrói um reservatório na localidade de Rodeio do Herval. Apesar de estar com apenas 20% do volume de água previsto, o vertedouro foi aberto depois que o rio Botucarai ficou sem água para irrigação de lavouras, em fevereiro. O técnico da Emater local Celso Kroth, explica que a medida beneficiou somente áreas mais próximas da barragem. "Mas deu a certeza de que, após a conclusão e com toda a capacidade de água, servirá para regular o volume do arroio Branco e do Botucaraí nos períodos de estiagem e garantir a irrigação das lavouras." O secretário da associação, Ivancur Seckler, calcula que, depois de cheio, o reservatório beneficiará 900 ha de lavouras. O reservatório terá uma taipa com 6 metros de altura e vai alagar 23 hectares. A capacidade será de 682 mil metros cúbicos de água e a bacia de contribuição, 180 hectares.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink