Mandioca

Oferta elevada mantém pressão sobre valores da raiz

Apesar da recente desvalorização da mandioca, parte dos agricultores segue interessada na comercialização
Por:
66 acessos

Apesar da recente desvalorização da mandioca, parte dos agricultores segue interessada na comercialização, tanto pela necessidade de liberar áreas arrendadas quanto para se capitalizar. Este cenário elevou a oferta de raiz, mas em menor intensidade que nas semanas anteriores. Do lado da demanda, a procura da indústria de farinha pela matéria-prima diminuiu novamente, devido ao menor ritmo de processamento.

Como resultado, boa parte da mandioca que seria destinada às farinheiras continuou abastecendo fecularias, mantendo pressão sobre as cotações. Entre 12 e 16 de março, o preço médio nominal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia foi de R$ 524,87 (R$ 0,9128 por grama de amido), baixa de 0,2% frente à média anterior e de 4,3% em comparação com o mesmo período do ano passado (deflacionamento pelo IGP-DI de fevereiro/18).

 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink