Oferta restrita de boiadas e demanda por carne bovina balizam mercado do boi gordo

Agronegócio

Oferta restrita de boiadas e demanda por carne bovina balizam mercado do boi gordo

Há dois cenários no mercado do boi gordo
Por:
681 acessos

Há dois cenários no mercado do boi gordo. Existem regiões onde a oferta limitada de boiadas dificulta o alongamento da programação de abate, o que exerce pressão de alta no mercado. É o caso de São Paulo, Goiás e Minas Gerais, por exemplo, onde há indústrias ofertando preços acima da referência.

Mas, ainda assim, alguns frigoríficos das praças paulistas estão com as escalas de abate mais alongadas em função das parcerias e contratos a termo, com isso ofertam preços abaixo da referência. Mas, nestes casos, o volume de negócios concretizados é reduzido.

Em algumas regiões, onde o lento escoamento da carne não dá incentivos para que os compradores ofertem preços melhores pela arroba, existe um viés de baixa, mesmo com oferta restrita de boiadas. Esta situação é verificada em Rondônia, Mato Grosso e Tocantins, principalmente.

No mercado atacadista de carne com osso os preços estão estáveis. O boi casado de animais castrados está cotado em R$9,63/kg. Na comparação com o início do ano houve queda de 2,7%.

 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink