Olam International também aposta em açúcar no país
CI
Agronegócio

Olam International também aposta em açúcar no país

A companhia quer tornar sua presença mais agressiva nos países de originação de commodities agrícolas
Por:
A estratégia de crescimento da Olam International, da trading Outspan Brasil, não está restrita somente ao café. A companhia também figura entre as principais exportadoras brasileiras de açúcar - com cerca de 400 mil toneladas negociadas por ano - e quer avançar também na comercialização de algodão. A trading também atua no país na comercialização de pimenta-do-reino, castanha-de-caju, algodão e madeira.


"A companhia quer tornar sua presença mais agressiva nos países de originação de commodities agrícolas", diz Marcelo Pedro, presidente da Olam Brasil. E, nesse contexto, o Brasil está totalmente nos planos do grupo.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink