Oportunidades para o recriador do Tocantins

Boi

Oportunidades para o recriador do Tocantins

Preços dos animais de reposição de categorias mais jovens carregam mais desvalorizações do que a cotação do boi gordo
Por:
315 acessos

No Tocantins, desde o início do ano, os preços dos animais de reposição de categorias mais jovens carregam mais desvalorizações do que a cotação do boi gordo. Do início de janeiro até a primeira semana de março, o preço da arroba caiu 2,7% no estado e as referências do bezerro de desmana (6@) e do bezerro de ano (7,5@) recuaram 4,9% e 4,4%, respectivamente. 

Este cenário aumenta o poder de compra e deixa a relação de troca mais atraente. Atualmente, com o preço de venda de um boi gordo de 16@ compram-se 2,1 bezerros de desmama ou 1,88 bezerros de ano, nestas mesmas condições, em janeiro deste ano, compravam-se 2,04 bezerros de ano e 1,84 de desmama. Ou seja, o poder de compra do recriador aumentou 2,3% na troca com o bezerro de ano e 1,7% com o de desmama.

Neste mesmo intervalo, a troca com o garrote de 9,5@ melhorou 1,3%, já a troca com o boi magro de 12@ caiu 1,67%, isso acontece porque o preço do garrote desvalorizou menos do que o preço do boi gordo. Embora oportunidades existam, a maioria dos recriadores e terminadores do Tocantins esperam uma melhor definição do cenário da arroba para poder efetivar as negociações.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink