Ovos: Baixa oferta e demanda elevada mantêm preços em alta
CI
Agronegócio

Ovos: Baixa oferta e demanda elevada mantêm preços em alta

Do lado da oferta, o volume segue bastante restrito
Por:
A baixa oferta e a demanda aquecida vêm resultando em novos aumentos de preços dos ovos. Segundo agentes consultados pelo Cepea, além do período de Quaresma, as altas de outros alimentos, como hortaliças e carnes, têm elevado a demanda por ovos.

Do lado da oferta, o volume segue bastante restrito, considerando-se todos os tamanhos de ovos. De 7 a 14 de março, a cotação média do tipo extra, branco, colocado na Grande São Paulo, subiu 8,8%, com a caixa com 30 dúzias passando para R$ 72,95 nessa sexta-feira, 14. Para o ovo tipo extra, branco, a retirar em Bastos (SP), houve forte valorização de 11,2% em sete dias, com média de R$ 69,10/cx na sexta.

No caso do ovo tipo extra, vermelho, o valor do produto entregue na Grande SP aumentou 4,1% em sete dias, para R$ 91,43 na sexta-feira. O preço do ovo vermelho a retirar na região de Bastos subiu 6,4% em sete dias, com a caixa a R$ 86,60 na sexta, 14.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink