Palestras na Agriminas abordam a lei da merenda escolar e cooperativismo

Agronegócio

Palestras na Agriminas abordam a lei da merenda escolar e cooperativismo

A feira será realizada na Serraria Souza Pinto, em Belo Horizonte, nesse fim de semana, nos dias 14,15 e 16 de agosto
Por: -Janice
209 acessos

A Agriminas – Feira da Agricultura Familiar de Minas Gerais – terá duas palestras com o objetivo de subsidiar com informações o trabalho das famílias de pequenos produtores rurais. A realização é da Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Minas Gerais (Fetaemg), entidade que reúne cerca de 1,2 milhões de trabalhadores rurais e agricultores familiares. A feira será realizada na Serraria Souza Pinto, em Belo Horizonte, nesse fim de semana, nos dias 14,15 e 16 de agosto. Estarão à vendas diversos produtos básicos como feijão, arroz e fubá, e outros como farinhas temperadas, doces,queijos e artesanato.

A primeira palestra vai abordar o Programa de Aquisição de Alimentos da Conab, a cargo de representante da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag). O objetivo é apresentar aos agricultores as diferentes modalidades existentes para a venda de produtos para a Conab e como os produtores podem ter acesso a elas. O secretário de Política Agrícola da Contag, Antoninho Rovaris, explica que uma das modalidades é a compra com doação simultânea, pela qual a Companhia compra uma variedade de produtos a preços melhores que os de mercado - pois são fixados por um comitê nacional -, e repassa esses produtos a instituições como escolas e asilos.

Na mesma palestra será abordada a Lei 11.947, de 16 de junho de 2009, pela qual as prefeituras municipais poderão adquirir, no mínimo, 30% dos produtos da agricultura familiar destinados à merenda escolar. A intenção é informar aos agricultores as estratégias de mobilização que poderão ser adotadas para atender às demandas das prefeituras. Rovaris cita como exemplo a definição – com as próprias prefeituras e profissionais da assistência técnica – de planejamento para o que deve ser plantado, em que escala, cuidados sanitários e acesso ao crédito para o cultivo das lavouras.

Economia solidária - O presidente da União Nacional das Cooperativas da Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes), José Paulo Crisóstomo, fará palestra abordando “Cooperativismo da Agricultura Familiar”. A ideia é apresentar aos produtores o cooperativismo como instrumento de inclusão social e de enfrentamento da crise financeira mundial. Nesse caso, ele cita que, mesmo no cenário de crise, ‘as cooperativas de crédito no Brasil aumentaram os depósitos e o volume de empréstimos, ao contrário dos bancos tradicionais onde esses indicadores regrediram”. Segundo ele, esse desempenho se justifica pelo fato dos associados “serem os próprios donos do negócio”. De acordo com o dirigente, o cooperativismo não é solução apenas para os problemas econômicos, mas para todas as dificuldades enfrentadas pela população, assim como já acontece em diversos outros países. “O Brasil, com população de cerca de 180 milhões de pessoas, não pode buscar resolver os problemas de forma individual, daí a alternativa do cooperativismo”.

A Unicafes está presente em 25 estados brasileiros com 1100 cooperativas, reunindo cerca de 650 mil famílias associadas. Na safra 2008/2009 as cooperativas de crédito da entidade emprestaram R$ 642 milhões aos agricultores, por meio do Pronaf. O dirigente cita como diferencial do sistema o fato das famílias de agricultores serem acompanhadas por engenheiros agrônomos e técnicos agrícolas na prestação de serviços de assistência técnica. Com isso, diz, “aumentou a produtividade das lavouras e caiu a inadimplência dos associados.”

A Agriminas tem o apoio do Governo de Minas, Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag), dos Sindicatos de Trabalhadores Rurais, Banco do Brasil e Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar Minas).

Serviço:
IV Feira da Agricultura Familiar de Minas Gerais – Agriminas
Data: 14,15 e 16 de agosto de 2009
Horários:
Dia 14/07: 10h às 22h
Dia 15/07: 9 h às 22h
Dia 16/07: 9h às 21h
Local: Serraria Souza Pinto – Belo Horizonte
Ingresso: R$ 2,00 (dois reais)

As informações são da assessoria de imprensa do evento.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink