Parasita aniquila abelhas nos EUA

PROBLEMAS

Parasita aniquila abelhas nos EUA

Ácaro acaba deixando abelhas mais sensíveis a intoxicação
Por: -Leonardo Gottems
589 acessos

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, sugeriu que o ácaro Varroa, que costuma se alimentar de sangue de outros ácaros e carrapatos, está aniquilando populações de abelhas nos Estados Unidos e em outros lugares do mundo. Isso porque o ácaro Varroa começou a se alimentar da gordura localizada no abdômen da abelha, que reúne muitas das funções vitais que se assemelham ao fígado humano, enquanto armazena alimentos e contribui para o sistema imunológico das abelhas. 

A pesquisa, publicada na revista PNAS, poderia transformar a compreensão dos pesquisadores sobre as principais ameaças às abelhas, enquanto aponta o caminho para tratamentos mais eficazes contra os ácaros no futuro. Segundo Samuel Ramsey, principal autor do artigo, esse ácaro é a principal ameaça, mas não a única contra as abelhas. 

"Pesquisadores de abelhas frequentemente se referem a três problemas: parasitas, pesticidas e má nutrição. Muitos estudos mostraram que o Varroa é o maior problema. Mas quando elas são comprometidas pelos Varroa, as colônias também são mais suscetíveis aos outros dois. Agora que sabemos que o corpo de gordura é o alvo do Varroa, essa conexão é agora muito mais óbvia. A perda de tecido adiposo afeta a habilidade de uma abelha de desintoxicar pesticidas e rouba nutrientes vitais. O corpo gorduroso é absolutamente essencial para a sobrevivência das abelhas”, disse em comunicado. 

Além de quebrar as toxinas e armazenar nutrientes, os corpos gordurosos das abelhas produzem antioxidantes e ajudam a controlar o sistema imunológico. Os órgãos gordurosos também desempenham um papel importante no processo de metamorfose, regulando o tempo e a atividade dos principais hormônios. Corpos gordurosos também produzem a cera que cobre partes do exoesqueleto das abelhas. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink