CI

Parceria fomenta produção de café por agricultores familiares

A estimativa é atingir 1 milhão de mudas distribuídas na região, além de kits de irrigação


Foto: Sheila Flores

A cidade de Colniza, reconhecida como o principal polo produtor de café em Mato Grosso, tem testemunhado um fortalecimento significativo na cafeicultura entre os agricultores familiares. Essa expansão é resultado de uma parceria entre a Secretaria Estadual de Agricultura Familiar (Seaf) e a prefeitura local, que têm fornecido mudas e kits de irrigação aos produtores.

De acordo com Secretaria Estadual de Agricultura Familiar (Seaf), a projeção para 2023 é a distribuição de 1 milhão de mudas na região, um indicativo do compromisso em fortalecer essa atividade entre os agricultores familiares de Colniza. Mais de 5,5 mil famílias dependem da agricultura familiar na região, sendo que a maioria delas está envolvida no cultivo de café. O apoio do Governo do Estado, através do programa MT Produtivo Café, tem incentivado alguns agricultores a focarem na produção do grão.

Milton de Souza, prefeito de Colniza, enfatizou a importância dos investimentos para o progresso da produção local: "Esse incentivo é fundamental para impulsionar nossa produção de café, considerando que somos o principal centro produtor do estado".

Os números impressionam: são aproximadamente 49 milhões de pés de café espalhados por 15 mil hectares de terra no município. Além dos kits de irrigação, as mudas são oferecidas gratuitamente aos produtores familiares, contribuindo para o aumento da produção.

Colniza colhe cerca de 100 mil sacas do grão anualmente, com parte significativa dessa produção permanecendo na própria cidade. De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a produção de café em Mato Grosso registrou um aumento superior a 100% nos últimos quatro anos.

"Temos alcançado progressos notáveis na produção de café. A colheita mais que dobrou desde 2019, atingindo 245,8 mil sacas neste ano. Continuaremos investindo para aprimorar ainda mais essa atividade", ressaltou Teté Bezerra, secretária de Agricultura Familiar de Mato Grosso.

Assine a nossa newsletter e receba nossas notícias e informações direto no seu email

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.