Plantio da soja tem uma boa evolução em Mato Grosso
CI
Agronegócio

Plantio da soja tem uma boa evolução em Mato Grosso

Por:

A evolução do plantio da safra 2003/04 de soja em Mato Grosso é considerada boa, de acordo com os resultados de acompanhamento do plantio, realizado pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agrícola (Imea). Até a semana passada 80%, dos cerca de 4,9 mil hectares destinados à sojicultura, estavam semeados. Em Nova Mutum o plantio foi concluído e os municípios de Tapurah, Nova Ubiratã, Sorriso, Lucas do Rio Verde e Campo Novo do Parecis, que concentram as principais lavouras desta cultura, registram 99% de área plantada.

Para esta safra a expectativa é de que sejam produzidas 14,8 milhões/t, um aumento de 17% e incremento de 4,9% em produtividade, se comparada ao ano safra anterior. Com relação à área cultivada, a soja registra uma expansão de 11%.

Neste período de semeadura a estiagem prolongada e a falta de chuvas mais distribuídas atrasaram, ou suspenderam, o plantio em algumas áreas da região Sul de Mato Grosso. Apesar da retomada dos trabalhos na lavoura, o município de Itiquira (359 quilômetros de Cuiabá), segue como "lanterninha" e totaliza 60% de área plantada, em 150 mil hectares destinados à oleaginosa.

O atraso no plantio em Itiquira tem refletido diretamente nas negociações do grão. Enquanto algumas regiões produtoras registram até 70% de comprometimento da safra em vendas antecipadas, como Sapezal, Itiquira está com 40%, percentual abaixo da média estadual, que até a semana passada contabiliza, na atual safra, 57%.

Arroz

Com área total de 534 mil/hectares e incremento de 22% em relação a safra passada, a cultura registra 82% de área plantada no Estado. Municípios como Lucas do Rio Verde, Nova Maringá, Sapezal e Sorriso, concluíram os trabalhos de semeadura.

A rizicultura sinaliza reação e deve totalizar 1,5 milhões toneladas e um ganho em produtividade de 2,18% ou, 2,8 mil quilos por hectare. Na safra passada foram colhidas cerca de 1,1 milhão de toneladas.

A falta de chuvas no Sul do Estado também atrapalhou os produtores do cereal. Em Rondonópolis e Itiquira somente 35% e 30%, respectivamente, da área destinada estão cultivadas.

Milho

Em Mato Grosso o plantio do milho primeira safra soma 74% dos 171 mil hectares destinados, com trabalhos de lavoura concluídos em Tapurah e abaixo da média estadual em Rondonópolis (40%) e Itiquira (50%). De acordo com o primeiro levantamento de estimativa de produção, realizado pelo Imea em outubro, houve uma redução de 2,68% na área plantada, mas haverá um incremento de produção de quase 1% e um ganho em produtividade de 3,4%, se comparados aos números da safra 2003, quando foram cultivados 175,8 mil hectares.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink