Polônia substituirá 30% do consumo de gás natural por Biogás
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,782 (-0,26%)
| Dólar (compra) R$ 5,38 (2,78%)

Imagem: Pixabay

MUNDO

Polônia substituirá 30% do consumo de gás natural por Biogás

Resíduos agrícolas serão utilizados
Por: -Leonardo Gottems
259 acessos

O ministro da Agricultura polonês, Jan Krzysztof Ardanowski, assinou uma carta de intenções com a empresa polonesa Orlen Poludnie, especializada na produção de biocombustíveis e biocomponentes de origem biológica, a Universidade de Ciências da Vida de Poznan e o Centro Nacional de Apoio à Agricultura (KOWR), pela construção de 20 usinas de biogás de última geração que permitirão ao país dar um salto em seus planos de descarbonização. 

A implementação dos novos investimentos melhorará a eficiência econômica das empresas pertencentes à KOWR, disse o ministro durante a cerimônia de assinatura. Também servirá para aumentar a competitividade da agricultura da Polônia e contribuir para a consecução dos objetivos climáticos, acrescentou. A KOWR supervisiona as maiores fazendas da Polônia, onde iria construir as instalações de produção de biogás, que usarão substratos agrícolas para a produção do biocombustível gasoso que mais tarde será convertido em eletricidade ou biometano.  

Segundo o vice-ministro da Propriedade do Estado, Zbigniew Gryglas, este é um projeto importante não apenas para a agricultura, mas também para toda a economia. "Será o primeiro passo para o desenvolvimento da área de energia, que até agora tem sido 'pousio'”, disse ele. Estima-se que o potencial dos substratos da agricultura polonesa permita a produção de cerca de 7 bilhões de metros cúbicos de biogás, um terço da demanda doméstica, disse ele. 

A meta do programa é atingir pelo menos 0,5 trilhão de PLN (113 milhões de euros), e o retorno do investimento é esperado em quatro ou cinco anos. Pelo acordo, Orlen Poludnie atuará como empreiteiro geral do projeto, enquanto a Universidade de Ciências da Vida de Poznan fornecerá a tecnologia inovadora a ser usada na construção das plantas de biogás. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink