Milho

Preço do milho: cotações sobem 3,5% e saca é vendida por R$ 32,87

O forte ritmo das exportações, aliado à perspectiva de redução da área do milho verão, tem mantido vendedores retirados
Por:
455 acessos

O forte ritmo das exportações, aliado à perspectiva de redução da área de milho verão, tem mantido vendedores retraídos, na expectativa de preços maiores nas próximas semanas. Por outro lado, compradores se mostram mais flexíveis nas negociações, com o objetivo de repor estoques. Neste cenário, o mercado brasileiro de milho continua em alta.

Preço do milho

O Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Campinas-SP) subiu 3,5% em sete dias, indo a R$ 32,87 por saca de 60 quilos na sexta-feira (03/11) – mesmo patamar nominal registrado em março/17. Em outubro, o Indicador apresentou a maior média do segundo semestre deste ano, de R$ 30,38 por saca, 4,1% superior à média de setembro, mas 28% inferior à de mesmo período de 2016. Fonte: Cepea.

 

 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink