Preocupação é por falta de sementes e insumos no PR
CI
Agronegócio

Preocupação é por falta de sementes e insumos no PR

Os produtores do Paraná questionam a proibição do uso do glifosato para soja
Por:

Para a Sociedade Rural do Paraná, a proibição do uso do glifosato no manejo da soja geneticamente modificada impede que os sojicultores aproveitem os benefícios da transgenia. "Haverá disponibilidade de semente convencional no mercado se todos os sojicultores deixarem de plantar a transgênica? As indústrias de defensivos estão preparadas para suprir toda a demanda?", questiona o presidente da entidade Alexandre Kireeff. Segundo ele, a preocupação da Rural é com as questões operacionais do plantio.

Outro problema é o pagamento dos royalties à empresa dententora da patente da semente geneticamente modificada, uma vez que os agricultores não terão os benefícios completos da tecnologia. "Os produtores não estão preocupados com a burocracia ou a concorrência entre as indústrias. Queremos soluções para que não haja desabastecimento de sementes ou insumos, não queremos prejuízos ao plantio e à qualidade do plantio", salienta o presidente da Rural.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink