Procura de etanol não cresce como esperado
CI
Imagem: Pixabay
QUEDA

Procura de etanol não cresce como esperado

A média entre 13 e 17 de dezembro foi de R$ 3.428,00/m3
Por: -Eliza Maliszewski

Após cinco semanas em queda, o Indicador CEPEA/ESALQ do etanol hidratado (São Paulo) subiu 1,1% entre 13 e 17 de dezembro, fechando o período com média de R$ 3,3567/litro. No caso do anidro, o Indicador CEPEA/ESALQ avançou 0,99% frente à semana anterior, a R$ 3,8767/litro.

Para o Indicador ESALQ/BM&FBovespa diário, a média entre 13 e 17 de dezembro foi de R$ 3.428,00/m3, alta de 0,98% na mesma comparação. Segundo colaboradores do Cepea, o suporte aos valores veio da manutenção do volume de etanol hidratado negociado no mercado spot. Além disso, foi verificada uma aquisição adicional por parte de alguns compradores, devido à proximidade das festas de fim de ano, época em que a circulação de veículos aumenta.

Ressalta-se, também, que, entre 13 e 17 de dezembro, a relação entre os preços do etanol hidratado e os da gasolina C se movimentou em direção aos 70% nas bombas paulistas, o que resultou em aquecimento, mesmo que não tão expressivo, da demanda por parte das distribuidoras. Do lado das usinas, a postura ainda foi de firmeza quanto aos preços, mesmo com a pressão exercida por compradores.

Fonte: Cepea


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.