Agronegócio

Produção de aves em Jaraguari (MS) é debatida em audiência

Reunião discutiu controle à criação de galinhas caipiras próxima aos aviários
Por: -Marco Antônio Gehlen
6 acessos

Avicultores de Jaraguari (MS) estiveram reunidos, na sexta-feira (01-12), no município com representante do Governo do Mato Grosso do Sul, das entidades sanitárias e da empresa integradora Seara Alimentos para discutir alternativas de controle à criação de galinhas caipiras próxima aos aviários da região, uma vez que a empresa que comprava os frangos da região suspendeu as compras alegando que as aves criadas de "fundo de quintal" podem representar risco sanitário à criação de frangos comerciais dos aviários.

Diante da necessidade de voltar a alojar os frangos e de continuar com a produção, os avicultores presentes na reunião demonstraram interesse em adequar a região de forma que a criação de galinhas caipiras seja devidamente isolada para não pôr em risco a produção industrial. "As galinhas caipiras representam grande risco à avicultura comercial e precisaremos alterar o formado dessa criação", ressaltou a médica veterinária da Superintendência Federal da Agricultura em MS (SFA), Priscila Nogueira Ferraz.

Segundo ela, o avanço dos aviários da região rumo às conformidades sanitárias exigidas à avicultura comercial pode preparar a produção de frango de Jaraguari para uma possível reabertura dos mercados compradores, sendo que desde o ano passado, o Japão e a União Européia mantêm veto à carne de frango produzida em um raio de 50 quilômetros do município, onde houve mortandade de aves no ano passado. Apesar de as autoridades sanitárias e os exames confirmarem que não houve focos das doenças de Newcastle ou Influenza Aviária na região, os mercados compradores ainda não reabriam as compras da carne de frango do município.

O secretário de Agricultura de Jaraguari, Clebson Ramos Brandão, afirmou que o município vai promover campanhas de conscientização sobre a criação das galinhas caipiras nas proximidades dos aviários e os produtores prometeram adequar-se às exigências na esperança que a produção se restabeleça. Os avicultores de Jaraguari, integrados à Seara, estão desde agosto deste ano sem produzir.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink