Produção de leite em Goiás vai recuar 4% neste ano, aponta pesquisa da Faeg

Agronegócio

Produção de leite em Goiás vai recuar 4% neste ano, aponta pesquisa da Faeg

Por:
254 acessos
Um levantamento realizado pela Comissão de Pecuária de Leite da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) mostra que a produção de leite no estado deve cair 4% em relação a 2008. Os números foram coletados em pesquisa realizada junto aos Sindicatos Rurais e cooperativas de leite em todo o estado.


Segundo os dados, a produção total de leite com Inspeção Federal (SIF) do estado, em 2009, ficará em torno de 2,2 bilhões de litros, abaixo dos 2,3 bilhões de litros registrados no ano passado. O dado parte de uma projeção realizada pelos técnicos com base no recuo já observado nos três primeiros meses do ano. Nesse período o IBGE apurou queda de 1,83% no volume de leite produzido pelos produtores goianos (saiu de 621,757 para 610,401 milhões de litros inspecionados).

No levantamento da produção do primeiro semestre de 2009, feito nas cooperativas do estado, a queda foi de 8,39%, se comparado com o mesmo período de 2008. Segundo o diretor da Faeg e membro da Comissão de Pecuária de Leite da entidade, Lauro Sampaio, o produtor ainda sente os reflexos da crise do segundo semestre do ano passado. “Com a queda de preço, os produtores ficaram descapitalizados para preparar a alimentação do gado e garantir a produção na entressafra”, comenta Lauro Sampaio.


Crise

Segundo ele, com a crise de crédito contaminando outros setores da economia, caiu a perspectiva de estabilidade de renda no campo. “Isso tem funcionado como desestímulo, uma espécie de bola de neve no enfraquecimento da produção leiteira em Goiás”. De acordo com Lauro Sampaio, os dados da pesquisa da Faeg coincidem com os primeiros números do setor em todo o país compilados pelo IBGE. Levantamento de janeiro a março deste ano do Instituto mostra que a produção nacional de leite recuou 0,60%, um comportamento que deve se aprofundar ao longo do ano e terminar em queda aproximada de 1%, de acordo com previsão dos técnicos.

Com o objetivo de obter mais informações sobre a cadeia produtiva de leite no estado a Faeg está realizando um diagnóstico que será apresentado no próximo dia 8 de agosto, durante do XIII Seminário de Pecuária de Leite do Estado de Goiás. No evento serão apresentadas propostas de ações para minimizar as distorções existentes que provocam o desestímulo na produção primária do leite. (Departamento de Comunicação do Sistema Faeg/Senar)

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink