Produtividade do algodão ainda é incerta em algumas áreas
CI
Imagem: Pixabay
SAFRA

Produtividade do algodão ainda é incerta em algumas áreas

Cotonicultores estão mais firmes nos valores pedidos no spot, indicando ter boa parte da produção já comprometida
Por: -Aline Merladete

Depois de atingir a casa dos R$ 8 por libra-peso em meados de maio deste ano, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento 8 dias, passou a recuar com certa força nas semanas posteriores. Atualmente, os valores estão relativamente estáveis, operando na casa dos R$ 6/lp. De acordo com colaboradores do Cepea, a liquidez está baixa, com agentes focados no cumprimento de contratos.

Saiba mais sobre a cultura do algodão aqui.

De acordo com os dados do Cepea, cotonicultores estão mais firmes nos valores pedidos no spot, indicando ter boa parte da produção já comprometida. Quanto à nova safra, a colheita e o beneficiamento ainda estão no início, e a produtividade é incerta em algumas áreas, o que faz com que agentes aguardem uma intensificação das atividades para poder cumprir programações e, então, retomar as negociações.

Muitos compradores, por sua vez, seguem fora de mercado, adquirindo apenas o necessário para manter as atividades e esperando a entrada de um volume maior. Entre 12 e 19 de julho, o Indicador CEPEA/ESALQ, com pagamento 8 dias, recuou 1,5%, fechando a R$ 6,0043/lp nessa terça-feira, 19. Na parcial de julho, o Indicador acumula baixa de 5,3%. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.