Produtor de Minas Gerais vai colher mais grãos nesta safra
CI
Agronegócio

Produtor de Minas Gerais vai colher mais grãos nesta safra

Por:

Minas Gerais, ao contrário do Brasil, registrará aumento na produção de soja e milho nesta safra. A produção mineira de milho, pela estimativa da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg), apresentará evolução de 8,4% passando de 5,3 milhões de toneladas para 5,8 milhões de toneladas.

A safra de soja subirá 16%, para 2,71 milhões de toneladas em relação às 2,33 milhões de toneladas de 2003. Em contrapartida, a colheita de milho e de soja no País ficará estagnada, em razão dos problemas climáticos e sanitários neste ano.

Segundo o diretor do Departamento Técnico da Faemg, Ricardo Cotta, no Brasil ocorreu quebra na produtividade nas lavouras de soja em torno de 10%, o que mantém a safra atual no mesmo patamar da apurada no ano passado.

"A produção estimada de soja no Brasil alcançará 50,9 milhões de toneladas. Nas primeiras estimativas da Conab, o número chegou a 55 milhões de toneladas, mas com a seca no Rio Grande do Sul, e problemas com a ferrugem asiática no Centro-Oeste, em Minas e na Bahia essa projeção foi reduzida. Entretanto, em Minas Gerais a quebra de 4% na produtividade não representou muito em função da expansão da área cultivada em torno de 20%", diz Cotta.

A área de soja em Minas Gerais, conforme dados da Faemg, saltou de 885 mil hectares no ano passado para 1,056 milhão de hectares em 2004. Cotta acrescenta que o crescimento na área ocorreu principalmente nas regiões do Alto Paranaíba e Triângulo Mineiro e em pastagens degradadas.

"A cultura tem apresentado expansão significativa nos últimos anos, em razão da boa rentabilidade alcançada no mercado internacional". Em Uberaba, maior produtor do grão de Minas Gerais, a produção estimada é de 167,2 mil toneladas, em área de 60,7 mil hectares.

Já o milho apresentará pequena expansão de 2,5% na área cultivada nesta safra, passando de 1,259 milhões de hectares para 1,291 milhões de hectares. De acordo com os dados da Faemg, a colheita estimada da cultura deve chegar a 5,8 milhões de toneladas, ante as 5,3 milhões de toneladas do ano anterior, crescimento de 8,4%.

"Com esse crescimento Minas Gerais deve passar o Rio Grande do Sul na produção do grão, sendo o segundo produtor nacional, com cerca de 12% da safra brasileira, atrás apenas do Paraná". No ano passado, o estado foi responsável por 11,1% da produção de milho e o estado gaúcho 11,4%.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink