Produtor do frango revive situações só experimentadas em 2006

Agronegócio

Produtor do frango revive situações só experimentadas em 2006

Em alguns aspectos, porém, a situação atual é ainda pior que a experimentada no auge da crise de 2006
Por:
154 acessos
Agosto ainda não chegou ao fim. Mas é certo e notório que o frango deve alcançar no mês cotação média ao redor de R$1,50/kg, valor que – levada em conta a deflação da moeda – provavelmente só encontra paralelo em 2006, ano em que o mercado interno acabou super abastecido em decorrência de um forte refluxo nas exportações (efeito dos episódios de Influenza Aviária no Hemisfério Norte).

Em alguns aspectos, porém, a situação atual é ainda pior que a experimentada no auge da crise de 2006, ou seja, no primeiro semestre daquele ano. Pois ainda que o preço médio deste mês apresente um índice de recuo similar ao observado em março e julho daquele ano (da ordem de 17-18%), as perdas agora são mais drásticas, já que compreendem uma redução de preços de trinta centavos em pouco mais de três semanas.

Dessa forma, desvalorização maior e mais rápida que a ocorrida em agosto corrente só a de novembro de 2006, ocasião em que o preço médio do frango vivo retrocedeu 27% em relação ao mês anterior. Mesmo assim, os recuos de preço registrados à época foram bem mais espaçados que os atuais.



Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink