Produtores argentinos acusam Brasil de praticar dumping de frango
CI
Agronegócio

Produtores argentinos acusam Brasil de praticar dumping de frango

Por:

Os produtores argentinos de frango estão acusando o Brasil de dumping, ou seja, vender o produto na Argentina por preços menores do que no Brasil. A Cepa (Centro de Empresas Processadoras Avícolas) divulgou uma nota em que afirma que os frangos brasileiros são vendidos na Argentina com preço 40% menor que o praticado no mercado internacional.

Os produtores brasileiros negam a denúncia e afirmam que não há "invasão" de frango verde e amarelo no país vizinho. O preço menor, dizem, é resultado do fato de o Brasil ter uma indústria mais competitiva. Dados divulgados hoje pela Embaixada do Brasil na Argentina mostram que houve inclusive diminuição nas exportações brasileiras de frango neste ano.

"Em 2000, o frango era o número 22 da lista de 100 produtos mais vendidos. Hoje, nem figura mais nessa relação", informou o estudo. Entre janeiro e maio de 2003, segundo o governo brasileiro, as exportações de frango para a Argentina somaram US$ 456,8 milhões. Maior que o mesmo período de 2002, US$ 170 milhões, mas muito inferior ao registrado em 2001, quando somaram US$ 6,97 bilhões.

A reclamação da Cepa ainda não foi acatada pelo governo argentino, que não quis falar sobre o caso. O Brasil também não comenta. "Oficialmente, não sabemos de nada. Por isso, não podemos comentar nada. Só vi uma nota no jornal", disse o embaixador brasileiro na Argentina, José Botafogo Gonçalves.

A briga já vem de longa data. Em 2002, o Brasil solicitou formalmente a abertura de um tribunal na OMC (Organização Mundial do Comércio) para arbitrar a disputa com a Argentina em torno do comércio de frangos. O pedido veio depois de a Argentina ter fixado preços mínimos para a entrada do frango brasileiro.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.