Produtores de suínos cobram intervenção
CI
Agronegócio

Produtores de suínos cobram intervenção

Com o preço de comercialização mais baixo que o custo de produção, a solução apontada é que o governo compre estoques
Por:

Uma ação rápida e pontual do Governo Federal pode amenizar a crise enfrentada pelos produtores de suínos, que estão sentindo na pele os efeitos dos altos estoques excedentes da maior empresa exportadora do País. Com o preço de comercialização mais baixo que o custo de produção, a solução apontada por criadores é que o governo compre estoques.

“O ideal é que o governo federal faça essa compra para desovar o estoque excedente paulatinamente. Se isso não for feito, é possível que ocorra uma desativação em massa de produtores, que devem deixar a atividade”, avalia o presidente da Associação dos Criadores de Suínos do Norte do Paraná, José Luiz Vicente da Silva.

O estoque excedente da empresa, segundo ele, deve girar hoje em torno de 70 mil cabeças acima de 135 quilos, peso considerado ideal para o abate. Vicente da Silva explica que essa quantidade já deveria ter sido comercializada e consumida.

Com a suspensão das importações após a decretação de focos de febre aftosa no Paraná e os conseqüentes estoques altos, o preço da arroba – R$ 1,70 - não está sendo suficiente para bancar a produção.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink