Agronegócio

Programa de Gestão Sustentável da Agricultura Familiar será implementado na região de Passo Fundo/RS

Foi apresentado para equipe regional da Emater/RS-Ascar Passo Fundo o Programa de Gestão Sustentável da Agricultura Familiar, da (SDR), em reunião realizada na sede regional da Instituição, em Passo Fundo.
Por:
553 acessos

Nesta sexta-feira (15/07) foi apresentado para equipe regional da Emater/RS-Ascar Passo Fundo o Programa de Gestão Sustentável da Agricultura Familiar, da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), em reunião realizada na sede regional da Instituição, em Passo Fundo. Na oportunidade foram explanadas as etapas do programa que terá quatro anos de duração. O Programa foi lançado pelo governador do Estado, José Ivo Sartori, no dia 02 de junho, no Palácio Piratini, e será executado pela Emater/RS-Ascar em todo Rio Grande do Sul. Na região de Passo Fundo, a meta para esse ano é sensibilizar 810 famílias e fazer o Plano de Gestão para, pelo menos, 405 famílias. 

Na primeira semana de julho um grupo de extensionistas dos 12 escritórios regionais da Instituição participou de uma capacitação para coordenação e execução do Programa, no Centro de Formação da Emater/RS-Ascar em Montenegro (Cetram). Na próxima semana, segunda-feira (18/07) em Passo Fundo e terça-feira (19/07) em Casca, as equipes municipais dos 40 municípios que compõem a região participam dessa capacitação. Após, haverá apresentação aos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural.

Foram apresentadas as ferramentas que serão utilizadas para a execução das ações do Programa como planilha econômica, questionário ambiental e social e plano de gestão, visando a organização das atividades de Assistência Técnica e Extensão Rural Social (Aters) para as famílias do meio rural. O Programa Gestão Sustentável da Agricultura Familiar possui foco nas famílias beneficiadas e nas unidades de produção familiar, com uma visão sistêmica, por meio das dimensões econômica, ambiental e social e, por isso, envolve a participação de toda a equipe dos escritórios municipais da Emater/RS-Ascar. 

Conforme o Programa, pelo menos 10% das unidades familiares selecionadas para a elaboração de um Plano de Gestão devem estar sob a coordenação de jovens e mulheres. Também deve haver por região administrativa da Emater/RS-Ascar a seleção mínima de duas unidades de referência sob a gestão de jovens; duas sob gestão de mulheres; duas com energias renováveis (biogás, fotovoltaica e eólica); duas com produção orgânica e/ou em transição e duas com agroindústria familiar.

Para o gerente regional da Emater/RS-Ascar de Passo Fundo, Oriberto Adami, o Programa vem como uma ferramenta para a extensão rural e uma oportunidade de organização e planejamento para as famílias de agricultores. "Haverá possibilidade, por meio de diagnósticos, de detectar demandas e buscar políticas públicas e programas estaduais que auxiliem às famílias e suas propriedades a terem maior efetividade, por meio da gestão", explicou Adami.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink