Programa de Grãos de Alagoas registra avanços em 2016

Agronegócio

Programa de Grãos de Alagoas registra avanços em 2016

Destaques para variedades, exportação de soja para outros países e adaptação do clima
921 acessos

Destaques para variedades, exportação de soja para outros países e adaptação do clima

O Programa de Incentivo à Produção de Alagoas, uma iniciativa do Governo de Alagoas, por meio da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura (Seagri), registrou em 2016 avanços significativos em sua área de atuação em diversas regiões do estado.

Com a finalidade de reduzir a dependência de grãos e ainda articular com setores das cadeias produtivas relacionadas aos vegetais, a Comissão de Grãos de Alagoas apresentou avanços na pesquisa de soja, despontando com bons materiais de boa adaptação, apesar da adversidade climática. 

O secretário da Agricultura, Álvaro Vasconcelos, destaca além de algumas variedades para ampliação de plantios com mais segurança, também o interesse de instituições bancárias em liberar financiamentos para a cultura de Grãos em Alagoas. 

"Isso é uma demonstração clara do sucesso e do investimento que o governo de Alagoas vem fazendo, aliado ao apoio das instituições parceiras na comissão", assegurou Álvaro Vasconcelos.

O coordenador da Comissão de Grãos em Alagoas, Hibernon Cavalcante, enfatiza ainda que houve este ano mais procura para produção de Grãos no Estado e em regiões não tradicionalmente produtora como zona da Mata, Litoral Norte e Sul de Alagoas. Segundo ele, em 2016, Alagoas exportou soja para a Rússia, China, Pernambuco, Paraíba e sementes para o Maranhão. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink