Projeto analisa produção de soja/MT

Agronegócio

Projeto analisa produção de soja/MT

Números mostrarão aos produtores o diagnóstico do ciclo 2010/2011
Por:
1972 acessos
Sojicultores de 7 municípios de Mato Grosso recebem a partir de segunda-feira (6) equipe técnica do Projeto Referência, da Associação de Produtores de Soja e Milho (Aprosoja). Esta é a quarta safra que terá os resultados analisados, cujos números mostrarão aos produtores o diagnóstico do ciclo 2010/2011 e possibilitará traçar estratégias para a próxima temporada agrícola, que começa após o vazio sanitário, em setembro. As cidades visitadas serão Vera, Sorriso, Nova Mutum, Diamantino, Sapezal, Jaciara e Nova Xavantina.


Ao todo 86 propriedades mato-grossenses (equivalentes a 130 mil hectares) serão avaliadas, número 120% superior ao da primeira edição, realizada na safra 2007/2008, quando 39 fazendas participaram. O Projeto Referência elaborou um software que permite a realização de simulações e análises comparativas de toda a movimentação administrativa da fazenda. O programa serve para orientar o sojicultor na leitura e gestão dos indicadores apresentados nos relatórios.

"Nas visitas, que são feitas a grupos de produtores, os técnicos catalogam os custos de produção e apresentam um diagnóstico da safra que terminou. De posse destes dados, o agricultor poderá planejar suas ações de forma que reduza os custos de produção e tenha uma melhor rentabilidade", afirma o engenheiro agrônomo e analista de Agronegócio da Aprosoja, Eliezer Rangel ao complementar que o software tem a função de fornecer ferramentas de auxílio ao produtor no que se refere ao cálculo dos custos de produção e do retorno financeiro da atividade.


Segundo o engenheiro, o projeto tem gerado resultados positivos, tanto é que a meta para este ano é atingir um número maior de produtores, chegando a 100. "Nos próximos 2 anos, pretendemos ter 200 agricultores cadastrados", diz ao acrescentar que o progrma permite a comparação do desempenho médio das propriedades mais lucrativas, menos lucrativas e medianas em lucro nas regiões abrangidas.

Sobre os custos de produção, o presidente da entidade, Gláuber Silveira da Silva, afirma que na safra 2010/2011 houve um leve aumento em relação à temporada anterior. "O preço da soja subiu e com isso o valor dos insumos também", diz ao anunciar que para a safra 2011/2012, os insumos já foram adquiridos e que este ano os negócios foram bastante positivos.


Projeto - O Projeto Referência tem como importante aliado o Instituto de Desenvolvimento de Gestão Empresarial no Agronegócio (IGEAgro), que fornece assessoria técnica e desenvolve as tecnologias de apoio. A Aprosoja possui uma equipe que atua diretamente com o sojicultor nas regiões produtoras e é responsável pela orientação aos participantes.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink