Projeto de combate ao Capim Annoni 2 é sancionado pelo governo

Agronegócio

Projeto de combate ao Capim Annoni 2 é sancionado pelo governo

Lei visa combater uma das mais prejudiciais pragas do meio rural
Por: -Janice
370 acessos

O setor agropecuário gaúcho recebe esta semana uma importante notícia. O projeto de lei n° 258/06, de autoria do deputado Jerônimo Goergen (PP) que estabelece o Programa de combate ao Capim Annoni 2, foi sancionado pela governadora Yeda Crusius e publicado no diário oficial do Estado como lei n°13.187/09. Aprovado por unanimidade no parlamento gaúcho, o programa combate esta praga que prejudica a pecuária, afetando a mastigação do gado e impedindo o crescimento de pastagens, foi aprovado por unanimidade em plenário.

Segundo a Fepagro, cerca de 2 milhões de hectares de campo do RS já estão infestados. Entre os principais itens que compõe o projeto, estão o combate ao Capim nas feiras agropecuárias através da capina dos parques, instalação de rodolúvios e pulverização dos caminhões boiadeiros, promoção de campanhas de conscientização junto aos produtores e a abertura de linha de crédito para a aquisição de uma máquina especial que ajuda a eliminar a praga. Além de estabelecer medidas de erradicação, o programa prevê o treinamento técnico de profissionais ligados ao meio rural para o enfrentamento do problema.

O Capim Annoni 2 prejudica a mastigação do gado e também inibe o crescimento de pastagens ao seu redor. O Programa de combate à praga estabelecerá medidas para erradicação, bem como o treinamento técnico de profissionais ligados ao meio rural para o enfrentamento do problema. Jerônimo Goergen reforça a idéia de prevenção: "com a sanção do projeto, poderemos prevenir a disseminação e reduziremos a infestação nos campos de pastagens naturais pela planta da espécie "Eragrostis Plana Ness. Esta iniciativa do executivo atende um pleito antigo do meio rural, que agora terá um programa oficial para combater a praga”, avalia Jerônimo Goergen.As informações são da assessoria de imprensa do deputado Jerônimo Goergen (PP).

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink