Projeto Forrageiras para o Semiárido inicia colheita de sorgo no Nordeste
CI
Imagem: Divulgação
AGRICULTURA

Projeto Forrageiras para o Semiárido inicia colheita de sorgo no Nordeste

Iniciativa faz parte das ações para suplementação alimentar dos animais durante a seca e começou em quatro estados
Por:

O Projeto Forrageiras para o Semiárido – Pecuária Sustentável, parceria da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) com a Embrapa, iniciou a colheita de sorgo nas unidades de Referência Tecnológica (URT´s) no Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí e Paraíba para produção de silagem que irá alimentar os animais durante escassez de forragens.

“A suplementação de sorgo por meio de seu armazenamento em silos é essencial para os bovinos de leite e ovinos em épocas de seca”, explicou Marina Zimmermann, assessora técnica da CNA.

As unidades colheram, na última semana, o sorgo forrageiro plantado no 1º trimestre de 2022. O material será triturado e transformado em silagem, para servir de suplementação no tratamento alimentar dos animais das unidades.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.