Quinta-feira terá atuação de massa de ar quente
CI
Imagem: Pixabay
AGROTEMPO

Quinta-feira terá atuação de massa de ar quente

Saiba a previsão completa para a sua região
Por: -Aline Merladete

O destaque para esta quinta-feira (19/08) será para a forte atuação da massa de ar quente e seco no interior do país. Os termômetros na metade sul da região norte e oeste do centro-oeste, poderão facilmente passar dos 40°C e apresentar índices de umidade relativa do ar em níveis críticos. O calor também estará ao sul do país, onde algumas localidades poderão registrar 35°C de temperatura máxima. As chuvas continuam concentradas na metade oeste da região norte e leste do nordeste. Ao sul, temos a configuração de uma nova frente fria , que poderá provocar algumas pancadas de chuva isoladas e pontuais. 

Na sexta-feira (20/08) a perspectiva aponta para a atuação mais expressiva da frente fria sobre o sul do país, especialmente sobre o sul do RS, onde poderá ocorrer alguns episódios de chuva intensa com a possibilidade de granizo. No entanto, os acumulados ao final do dia não serão expressivos. A perspectiva também indica a mudança do vento sobre o RS, trazendo o ar mais frio para o estado, diminuindo o calor. Ao mesmo tempo, a massa de ar seco e quente continuará atuando de forma expressiva sobre a metade oeste do interior do país. Os índices de umidade relativa do ar atingirão níveis críticos em uma área ainda maior e as temperaturas serão maiores do que as marcas registradas nos últimos dias. Particularmente sobre o MS, MT RO e sul do AM. No sábado (21/08) o padrão da massa de ar seco continua sobre o interior do país e a frente fria se deslocará para o oceano, mas ainda atuando sobre o estado do RS, porém ainda com baixos volumes pluviométricos. Sobre os estados de RO e AC, há indícios do retorno das chuvas mais volumosas devido às instabilidades de altitude sobre a região.

NOVIDADE: Confira a nossa plataforma completa de mapas em: https://www.agrolink.com.br/agrotempo/mapa

Saiba como fica o tempo em cada região: 

Região Norte
As instabilidades, típicas da região, continuam sendo deslocadas para o oeste, devido à maior influência dos ventos de leste sobre boa parte da região. Deste modo, a tendência será de um tempo mais seco entre o leste e sul do PA e TO, bem como uma redução nos volumes previstos sobre o AP. Já em RR,  na metade oeste do AM e alguns pontos do AC, as chuvas poderão ocorrer de forma isolada e pontual, sem provocar acumulados expressivos. Sobre RO, o predomínio será de sol e com temperaturas superiores aos 40°C em conjunto com índices de umidade relativa do ar inferiores aos 20%.

Região Nordeste
Os ventos de leste favorecem o transporte da umidade do oceano para a costa leste da região. Assim, desde o sul da BA até o litoral da PB há condições para pancadas de chuvas rápidas e passageiras, com os maiores volumes previstos na região entre SE e PE. Ao norte do MA, existem algumas instabilidade que poderão ser expressas em pancadas de chuvas fortes, mas em um curto período de tempo. Já nas demais áreas da região, o predomínio será de sol, temperaturas elevadas e índices de umidade do ar inferiores aos 20%

Região Centro-Oeste
A massa de ar seco atua de forma significativa na região, mantendo o céu com poucas nuvens e os índices de umidade relativa do ar em níveis críticos. A previsão indica que os índices de umidade poderão ser inferiores aos 10% na grande região do pantanal, em conjunto com temperaturas superiores aos 40°C nesta área, mantendo o risco elevado para a ocorrência de incêndios. No leste do GO e DF o tempo também será seco, mas as temperaturas não estarão tão elevadas quanto nas demais áreas do centro-oeste.

Região Sudeste
Uma região de alta pressão, nos níveis médios da atmosfera, favorece a descendência do seco e impede a formação de nuvens carregadas sobre a região. Assim, o predomínio será de tempo firme em grande parte do sudeste, no entanto, vale mencionar que a influência dos ventos que sopram do oceano vão adentrar em boa parte do interior mineiro, diminuindo a sensação de calor e aumentando os índices de umidade do ar. Esta influência dos ventos oceânicos, também serão observadas no ES e RJ, onde o tempo terá uma maior variação de nebulosidade. Sobre o estado de SP, essa os ventos oceânicos não provocarão tanta influência, de forma que em todo o estado as temperaturas serão elevadas e os índices de umidade abaixo dos 20%.

Região Sul
A combinação entre os ventos mais intensos nas partes mais altas da atmosfera, juntamente com  o suporte do ar quente e úmido direcionado da região amazônica pelos Jatos de Baixos Níveis em direção ao sul, contribuem para as instabilidades sobre a região. Sobretudo ao sul do RS, onde essas instabilidades darão forma a uma nova frente fria. Além disso, as temperaturas estarão acima da média para o período em todas as áreas da região sul, podendo superar a marca dos 35°C entre o norte do PR, oeste da região, rande Porto Alegre e sul de SC.

Veja os mapas destaques para hoje:

Chuva:

Temperatura Máxima:

Temperatura Mínima:


 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.