Recuo nas exportações de milho e aumento dos embarques de soja em fevereiro

Agricultura

Recuo nas exportações de milho e aumento dos embarques de soja em fevereiro

Brasil exportou, em média, 117,33 mil toneladas de milho grão por dia em fevereiro
Por:
529 acessos

De acordo com a Secretaria de Comércio Exterior (Secex), o Brasil exportou, em média, 117,33 mil toneladas de milho grão por dia em fevereiro, até a terceira semana. Esse volume é 38,9% menor que a média diária embarcada em janeiro deste ano, entretanto, o volume cresceu 68,4% na comparação com fevereiro do ano passado.

Caso este ritmo continue nas próximas semanas, o país deverá fechar com 2,35 milhões de toneladas do cereal exportadas no acumulado de fevereiro, frente às 4,22 milhões de toneladas em janeiro deste ano. No caso da soja grão, as exportações brasileiras têm aumentado, conforme avança a colheita no país e seguem as tratativas a respeito da situação comercial dos Estados Unidos e China.

Em fevereiro o Brasil exportou, em média, 214,69 mil toneladas por dia do produto, 119,3% mais que a média do mês anterior e 34,9% acima do embarcado diariamente em fevereiro de 2018. Se este ritmo continuar, a expectativa é de que o volume chegue a 4,30 milhões de toneladas de soja no total deste mês, frente as 2,86 milhões de toneladas embarcadas em fevereiro de 2018.

Lembrando que no ano passado, as exportações nacionais tiveram forte crescimento a partir de março, com o câmbio (dólar) se valorizando e a forte demanda pela China, que se refletiu em aumento dos prêmios nos portos. Para este ano, o país asiático tem sinalizado que importará mais soja dos Estados Unidos. Com isso, as exportações brasileiras deverão diminuir frente a 2018.

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estima 71,50 milhões de toneladas exportadas na temporada atual, frente ao recorde na safra passada, de 83,60 milhões de toneladas embarcadas. Para o milho estão previstas 31 milhões de toneladas exportadas pelo Brasil este ano, frente as 24,77 milhões de toneladas embarcadas no ciclo passado.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink