Agricultura Familiar

Recursos vão garantir políticas públicas para o meio rural

As emendas aprovadas vão destinar R$ 266.084.598 para a Ater
Por: -Jerúsia Arruda
323 acessos

A Agricultura Familiar e a Assistência Técnica e Extensão Rural brasileiras comemoram uma importante conquista, com a aprovação de emendas no valor de mais de meio milhão de reais, pela Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural da Câmara dos Deputados, na última quarta-feira (18).

O projeto, apresentado pelo deputado federal mineiro Zé Silva, representante do partido Solidariedade na Comissão, vai contribuir para a recomposição do orçamento para a Agricultura Familiar e para a continuidade das políticas públicas para o meio rural, em 2018.

Além da Assistência Técnica e Extensão Rural, os recursos vão beneficiar o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

De acordo com o deputado, os recursos vão fomentar as atividades do serviço de Ater no País, com o objetivo de impulsionar a produção e a produtividade de setores que, em sua maioria, não têm acesso a novas tecnologias e nem à assistência técnica, como agricultores familiares, pescadores, extrativistas, assentados da reforma agrária e pequenos trabalhadores do setor agropecuário. “É notória a relevância da Agricultura Familiar para o desenvolvimento sustentável do País, e os cortes de 80 a 99% no orçamento previsto para 2018, de recursos para políticas públicas importantes preocupa o setor e entidades que lutam para recompor e assegurar os recursos”, ressalta Zé Silva.
 
Emendas
As emendas aprovadas pela Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural vão destinar R$ 266.084.598 para a Ater, através da Agência Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (Anater). De acordo com o presidente da agência, Valmisoney Moreira Jardim, esses recursos vão garantir que o extensionista chegue em todos as regiões do País, possibilitando um novo tempo para o setor. “Cada centavo desse recurso será investido para levar assistência técnica para os agricultores do nosso Brasil, possibilitando mais qualidade de vida e desenvolvimento social no meio rural”, afiança.

Para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) serão destinados R$ 318.000.000. 

A comissão aprovou, ainda, emenda de R$ 313.615.320 para fomento ao setor agropecuário e R$ 300.000.000 para pesquisa e desenvolvimento de tecnologias para a agropecuária.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink