Ridesa libera 13 novas variedades de cana RB em Alagoas
CI
Agronegócio

Ridesa libera 13 novas variedades de cana RB em Alagoas

Por:

O Programa de Melhoramento Genético da Cana-de-açúcar (PMGCA), através da Rede Interuniversitária para o Desenvolvimento do Setor Sucroalcooleiro (Ridesa) liberou nesta quarta-feira (19), 13 novas variedades RB produzidas nas dez universidades federais que formam a rede e lança o Catálogo Nacional de Variedades RB de Cana-de-açúcar.

Das 13 novas gerações, cinco são de propriedade da Universidade Federal de Alagoas (UFAL) – RB931003, RB931011, RB951541, RB98710 e RB99395. As duas primeiras, mais rústicas, são tolerantes a estresses hídricos, e as três últimas, são precoces e ricas em açúcar, além de possuir elevada produtividade. As variedades foram produzidas através do Programa de Melhoramento Genético da Cana-de-Açúcar (PMGCA), pertencente ao Centro de Ciências Agrárias (Ceca).

Programação - No início da programação, pesquisadores de cinco universidades fizeram uma apresentação técnica de cada uma das variedades desenvolvidas pela instituição.

A Universidade Federal de São Carlos (Ufscar), que produziu duas variedades, teve o professor Marcos Sanches; a Universidade Federal do Paraná (UFPR), que desenvolveu três espécimes, trouxe o professor Eroldo Hebert; a Universidade Federal de Viçosa (UFV), com uma variedade, foi representada pelo professor Luiz Cláudio; a Universidade Federal Rural de Pernambuco, com duas variedades, trouxe o pesquisador Djalma Euzébio Simões; e a Universidade Federal de Alagoas, com suas cinco variedades, foi representada pelo professor e coordenador do PMGCA, Geraldo Veríssimo.

Às 17h, foi lançado o Catálogo Nacional de Variedades RB, onde foi possível conhecer cada uma dessas variedades, que são mais produtivas, além de terem a capacidade de gerarem maior lucro e quantidade superior de açúcar por área.

“Este é um momento muito especial, porque estaremos levando ao conhecimento do empresariado e da sociedade nossos frutos de anos de pesquisa. A variedade mais nova tem 11 anos de pesquisa; foi um longo período de lapidação para hoje estarmos disponibilizando essas novas variedades ao produtor”, ressalta Geraldo Veríssimo.

Por fim, houve a cerimônia de posse da nova presidência que estará à frente da Ridesa pelos próximos dois anos: a reitora Ana Dayse Dorea, como presidente, e o reitor da UFV, Luiz Cláudio Costa, como vice-presidente; com a presença do atual presidente e reitor da UFRPE, Valmar Corrêa.

O mesmo evento aconteceu em nível nacional, em Brasília, no dia 25 de março, com a presença de reitores, Ministério de Educação e Cultura, Ministério de Agricultura e Ministério de Ciência e Tecnologia.

Perfil- A Ridesa nasceu do antigo Programa Nacional de Melhoramento Genético da Cana-de-açúcar (Planalsucar), programa do governo federal que, em 1990, foi assumido por um grupo de universidades federais.

Em 20 anos de história, foram desenvolvidas 59 variedades de cana-de-açúcar, que, somadas às 19 produzidas pelo Planalsucar, hoje correspondem a 58% da área de cana plantada no país. Atualmente, a Rede conta com 246 profissionais de uma equipe multidisciplinar, 89 professores e pesquisadores, 62 técnicos agrícolas, 75 técnicos operacionais e 20 administrativos.

A Universidade Federal de Alagoas tem uma posição privilegiada na Ridesa, por conta do Banco de Germoplasma, criado em 1966 pelo Sindaçúcar/AL e herdado em 1990 pela Ufal. Nesse Banco, localizado na Serra do Ouro, no município de Murici, estão armazenados os recursos genéticos do PMGCA, com 2.600 tipos de cana (dentre espécies e híbridos).


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.